terça-feira, 27 de julho de 2010

Terça Thrash - Kill ‘Em All (Metallica)


O motivo que me levou a escolher esse álbum para ser o primeiro comentado nessa coluna é muito simples: lançado em 1983, esse é considerando o primeiro “full-lenght” de Thrash Metal da história!

O Metallica iniciou sua carreira em 1980, e outras bandas do gênero surgiram na mesma época, como Exodus e Overkill, porém a primeira a colocar um álbum no mercado foi o quarteto liderado por James Hetfield e Lars Ulrich.



O play abre com a dinâmica “Hit The Lights”, que foi a primeira música do Metallica a ser apresentada ao mundo, através da demo de mesmo nome, de 1982. Também esteve presente na lendária coletânea “Metal Massacre I”, famosa por revelar diversas futuras grandes bandas do Heavy Metal.

“The Four Horseman” merece uma observação especial, pois foi composta por Dave Mustaine sob o nome de “The Mechanix”, e após sua saída da banda, a música foi reescrita e rearranjada para o debut. A versão original foi lançada no primeiro álbum do Megadeth, “Killing Is My Business... And Business Is Good!”.
A destruição continua com a rápida “Motorbreath”, “Jump In The Fire”, seguidas de um momento de grande inspiração do lendário baixista Cliff Burton, a música “(Anesthesia) Pulling Teeth”.

Em “Whiplash”, “Phantom Lord” e “No Remorse” temos mais uma bela demonstração da capacidade da banda em aliar peso, velocidade e melodias fortes, coisa rara na época, resultando em algumas grandes pérolas do estilo.

A seguir vem o maior exemplo da influência da NWOBHM (New Wave Of British Heavy Metal) no som do Metallica, “Seek And Destroy”, música cadenciada e portadora de uma levada muito marcante, que rapidamente se tornou um dos maiores hinos da banda e do gênero.

Pra fechar esse disco maravilhoso, nada melhor que a poderosa “Metal Militia”, som que até hoje embala inúmeros “headbangings” mundo afora.


Kill ‘Em All é incontestavelmente um dos maiores clássicos, não só do Thrash Metal, mas da música pesada, e influenciou, no mínimo, 90% das bandas que vieram após, sendo obrigatório para qualquer um que se intitule “Metalhead”, “Headbanger” ou qualquer outro rótulo do tipo!

Videos :





Texto por : Alexandre Veronesi.

13 comentários:

Adilson Guimarães disse...

Muito bom, realmente! Metallica é uma das melhores bandas de Rock, inclusive eu estou ouvindo Enter Sadman neste instante. Enfim, blog muito bom! Abraço.


www.catarseonline.blogspot.com

R.F. disse...

Muito bem bolado o seu blog e voltado para um público muito interessante.
Te seguindo.

Quando quiser rir um pouco e animar o dia passa no meu blog:
.
http://rfpostando.blogspot.com/
.
Um grande abraço! Te espero lá!

kerry burger king disse...

Tai um play que ao ouvir pirei nossa muito foda solos longos intermináveis velocidade da luz nas guitarras e s/ palavras metallica s/ esse play não existiria.

Jefferson disse...

não gosto muito desse álbum, mas é realmente um marco no trash metal, presença obrigatória nas listas de maiores álbuns do metal de todos os tempos.

Ótimo post!

http://figurinhasdorock.blogspot.com/

abraço!

kerry burger king disse...

Vale lembrar que o Cannibal Corpse fez um cover da musica No Remorse ficou muito foda.

M!sunderstood disse...

ótimo, Metallica é Metallica e bom, foi a primeira banda de rock que eu escutei.

muito bom seu blog, se puder dá uma passada lá no meu

http://reflexo-da-alma.blogspot.com

abraços, m!sunderstood

Cantarelli disse...

Não sou fã de Metallica, mas realmente marcou toda a história dos anos 80. Sr. James Heitfield e Dave Mustaine criaram tudo isso, vivo até hoje nos cds, Hds e Mp3 alheios.

melimaenomenon disse...

ADORO Whiplash e Seek and Destroy! Mas o melhor do post sem dúvida é essa foto deles do fundo do baú hahaha :P

Daniel Silva disse...

prefiro o and justice for all. sou muito fã do metallica, mas o kill em all é "tosco".

abraço

Gustavo disse...

Mais um grande artigo escrito aqui, ficou muito bom mesmo, até ouvi o Kill 'Em All enquanto almoçava hehe pra mim as melhores do álbum são Hit The Lights, Whiplash e Metal Millita, sem contar algumas outras que tem trechos memoráveis, como o finalsinho de No Remorse, alguns trechos da Phantom Lord e as próprias The Four Horsemen e Jump In The Fire

Eu curto mais a versão do metallica pra Mechanix, achei q por ser um pouco mais lenta o trabalho da cozinha do CLiff Burton com o Lars ficou mais valorizado e deu mais peso a música!

Sem mais, a resenha ficou bem bacana e trouxe informações bem bacanas e detalhadas para os Headbangers que querem sempre adquirir masi conhecimentos!!!

Parabéns aí brother!!

Naírla Silva disse...

Adorei o blog, um espaço dedicado ao ROCK!! Metallica é uma das melhores bandas!!!

http://coposcheiosdevodkaerocknroll.blogspot.com/

Dayane disse...

Metallica - Uma banda com diferencial, única ..... em todos os álbuns (tah..quase todos rsrs) jah sentimos a vibração e a adrenalina do rock pulsando e empolgando os thrashers.. e claro influenciando várias pessoas!!
Post excelente - Um Super beijão!!!! Parabéns!!!!!!

raphapira disse...

adoroo rock, principalmente trash metal!!!

ótimo blog..

só está faltando um pouco de Metallica pro blog!!